Pico dos Marins – Parte 3 (Acesso carro baixo)

Pico dos Marins com carro de passeio

Não sabe como chegar até aqui!? Clique aqui para ver o post desta sequencia!

Uma das maiores dúvidas que tivemos na 1ª vez que fomos ao Marins, foi saber se carros comuns (baixos de passeio), teriam acesso tranquilo para chegar à base. Depois de muitas pesquisas e perguntas à colegas que já estiveram lá, mesmo sem uma definição concreta, resolvemos arriscar.

Como fomos alertados sobre a 1ª entrada, decidimos passar direto rumo a 2º entrada, pois estávamos em 2 carros sedam de médio porte e relativamente baixos. Foi a melhor escolha que fizemos!

acesso_vb_marins3

Após passar o trevo de Venceslau Brás conforme o post de acesso, pegamos a estrada de terra de acesso à Fazenda Saiqui, a estrada possui irregularidades “aceitáveis” para trânsito de carros de passeio, variando entre boas condições e ruins.

acesso_vb_marins12 acesso_vb_marins11 acesso_vb_marins10 acesso_vb_marins17

Ao entrar na estrada, serão aproximadamente 15Km de percurso até o estacionamento base do Marins. Apesar deste percurso não apresentar paisagens exuberantes como o outro acesso, você também ira perceber em alguns pontos o Pico dos Marins e outras paisagens interessantes.

Pico dos Marins ao fundo…

acesso_vb_marins16

No caminho você passará por uma porteira (na estrada mesmo), indicando o limite de municípios de Delfim Moreira e Marmelópolis, não se assuste! É isso mesmo!!

acesso_vb_marins13

Um pouco antes de chegar a base de estacionamento do Marins você passará pela Fazenda Saiqui, uma bela comunidade que relembra tempos antigos.

acesso_vb_marins15

Logo após passar pela Fazenda, haverá uma bifurcação na estrada, pegue à direita e suba a ladeira, você já estará bem próximo a base. Seguindo por este caminho, sempre em frente, chegará a porteira de acesso ao estacionamento.

acesso_vb_marins18

Não esqueça que há uma taxa de R$ 20,00 (valor ano 2015) para deixar o veículo. Também há banheiro, água e um restaurante.

Caso não queira pagar, antes de pegar a bifurcação citada acima, continue em frente e entre na próxima a direita. Siga em frente até a próxima porteira, onde o pessoal costuma estacionar (sem segurança). Não que haja perigo, mas todos que sobem o Marins via SP, passarão ao lado do seu carro, além disso após chuvas este trecho fica meio lamacento, então fica a seu critério.

Após estacionar, é esticar as pernas, fazer um alongamento e se equipar para o início da subida, que será nosso próximo post!!

Até lá…!

Mapa do trajeto – Ponto Vermelho ao Laranja:

Comente com Facebook

Saiba mais sobre o autor: Andre Pires Moraes